Blog

Comprei um estabelecimento cheio de dívidas. O que devo fazer agora?

Imagine a seguinte situação: você resolve comprar um estabelecimento comercial que, segundo o antigo proprietário, não possui nenhuma dívida. Assim, você adquire o negócio e, de repente, é surpreendido com um grupo de credores, como fornecedores, que passam a cobrar de você dívidas contraídas pelo antigo proprietário do estabelecimento.

O novo proprietário pode ser cobrado por tais dívidas? 🤔

Se as dívidas do estabelecimento estavam à época da compra contabilizadas, infelizmente o comprador fica responsável por estas, mesmo que desconhecesse a existência dos débitos.

Mas atenção: pelo prazo de 1 (um) ano após o o contrato de transferência do estabelecimento empresarial (também chamado de trespasse), o comprador e o vendedor podem responder solidariamente por tais dívidas, isto é, os dois são igualmente responsáveis pelos valores.

Por isso, é importante sempre analisar os registros contábeis do estabelecimento empresarial antes de adquiri-lo, além de contar com uma assessoria técnica que se adiante, preveja eventuais problemas e pense em formas de diminuir os riscos existentes na aquisição de um estabelecimento empresarial, como por exemplo por meio das publicações e comunicações, previsão em contrato sobre as formas de compensação, formas de pagamento e direito de reembolso no caso de pagamento de dívida anterior à aquisição por parte do comprador.

E aí? Já tinha pensado nessa hipótese?

Gostou? Então compartilha com seus amigos!

#direito #bsj #advocacia #empresarial #aquisição #estabelecimentoempresarial #trespasse

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

© 2022 BSJ Advocacia - Todos os Direitos Reservados.